Quais os Principais Fatores de Rankeamento do Google

10 Sinais De Que Você Deve Investir Em Marketing Digital
28/02/2016
Por que investir em Marketing Digital em Tempos de Crise?
27/03/2016

Quais os Principais Fatores de Rankeamento do Google

rankeamento-do-googleAgrupados de uma maneira mais genérica e didática, mas em cada um há dezenas ou até centenas de outros critérios que estão sendo considerados pelos mecanismos de busca para rankeamento. Este material é um ponto de partida para compreender o funcionamento do mecanismo de busca.

Fatores de rankeamento dos mecanismos de buscas

Como podemos perceber, os links são o fator mais importante de rankeamento, com 40% de todo o peso e influência na classificação de um site. Entretanto, isso não quer dizer que conseguir um número maior de links por si só vai fazer com que um site fique bem posicionado. “Mais do que quantidade, o que importa é a qualidade desses links.

Como conseguir links?

Link Building é o processo de conquista de links, entretanto é preciso ter um certo ceticismo com
algumas táticas, como a de cadastrar o site em diretórios de sites, redes sociais ou mesmo em
diretório de artigos. Em geral, deve-se evitar qualquer link que se possa conseguir cadastrando
em algum lugar. Bons links, são como votos de confiança e
isso não é tão simples de conseguir entre em contato com sites e blogs já renomados, propondo sua parceria,a maioria lhe dirá não, mas á sempre aqueles com vontade de ajudar o segredo é não desistir pois os resultados obtidos com parcerias é bem supriendente.

A melhor estratégia para a conquista de links é o modelo de uma assessoria de imprensa que consiga conhecer e trabalhar com SEO. As assessorias de imprensa conseguem ter alcance junto às redações, sites e blogs, defendendo a marca e a citação de seus clientes. Mesmo que seja um trabalho mais demorado, quando bem feito, os resultados compensam.

Se não é indexável, simplesmente não existe

Os links são importantes porque esta é a melhor maneira que o Google encontrou de indexar uma menção e um voto de confiança. Em SEO, é importante que tudo o que seja bom sobre um site possa ser indexável. Por isso, a estrutura técnica de um site é outro fator muito importante e deve ser vista com prioridade, mas sem obsessão.

A tecnologia será responsável por, principalmente, exibir a página e garantir a sua velocidade. Dentro do primeiro aspecto, precisamos estar atentos à capacidade de o Google indexar ou não uma página. Os mecanismos de busca encontram dificuldade para indexar, por exemplo, páginas em Flash ou JavaScript / Ajax. Mas, mesmo em páginas em HTML, a indexação não é um processo sempre tão simples.

Conteúdo de Qualidade

Destacamos muitos aspectos que podem ser vistos como técnicos, como os links e a tecnologia. Sim, eles são muito importantes – na verdade um pré-requisito. Todavia, é indispensável que um site seja bom o suficiente para merecer as primeiras posições, do contrário nunca conseguirá sustentar por médio e longo prazo seus resultados. E como conseguir isso? Através de conteúdo e fortalecimento de marca.

Conteúdo pode ser entendido como o que vai ser mostrado em uma página. Um blog, por exemplo, terá como conteúdo um texto; já o conteúdo de um e-commerce serão seus produtos. Enquanto no primeiro um conteúdo de qualidade é um texto bem escrito, no segundo um conteúdo de qualidade são produtos de qualidade, com boas descrições e fotos e, claro, um bom preço.

Resumo

Após revisitarmos alguns pontos, concluímos com um breve resumo para facilitar a memorização e o entendimento do SEO. Antes, porém, consideramos importante lembrar que o trabalho de fortalecimento de marca é sempre importante. Marcas fracas não se sustentam em mercado algum, e com SEO não é diferente. A boa noticia é que um trabalho de SEO e link building com o modelo de assessoria de imprensa poderá ajudá-lo nesse sentido.

fatores-de-rankeamento-dos-mecanismos-de-buscas-googlr

Por fim, anote, lembre e relembre deste resumo. Em ordem de prioridade do que mais influencia em SEO, temos o seguinte:

  1. Links de qualidade apontando para um site;
  2. Aspectos técnicos e uso de palavra-chave;
  3. Qualidade do conteúdo;
  4. Experiência do Usuário (UX) dentro do site;
  5. Fortalecimento de marca.

Gostou deixe seu comentário ou se inscreva para receber mais dicas importantes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>