10 dicas para criar uma Landing Page perfeita

Por que sua empresa deve estar nas redes sociais?
02/04/2016
Logo, logotipo, marca e logomarca. Qual a diferença?
12/10/2016

10 dicas para criar uma Landing Page perfeita

Meeting of corporate business people

Transforme sua Landing Page em uma máquina de vendas

Uma das formas mais eficazes de capturar o cliente e converter desconhecidos em leads são as Landing Pages. Embora essas páginas sejam bem simples, elas “escondem” certos truques que são importantíssimos para alcançar o seu objetivo. Seguindo nossas dicas, sua Landing Page vai ser uma fonte de captura de novos clientes.

1.  Seja claro e tenha um único objetivo

Quanto mais direto for, melhor. As Landing Pages servem para vender alguma coisa. Faça-o de forma direta e sem firulas. Se o visitante entendeu qual o seu recado, maior são as chances de conversão. E não se esqueça: um objetivo de cada vez. Do contrário, só causará confusão.

2.  Tenha senso de design e use SEO

As Landing Pages devem ser agradáveis a vista, fáceis de ler e com imagens bonitas e impactantes. Se não tiver o menor jeito com design, é melhor contratar alguém que saiba fazê-lo. Aproveite a oportunidade para trabalhar muito bem o SEO de sua página e ficar bem posicionado nos buscadores. Defina palavras-chave de alta relevância para o seu objetivo e negócio.

3.  Use elementos visuais

Os vídeos são verdadeiros atrativos para as Landing Pages. Mas as fotos em alta resolução ainda são o grande chamariz. Se criou o site para vender algum produto em específico, compre uma boa foto, ou contrate um profissional, e a utilize corretamente. Usar imagens de humanos, dobram as conversões, segundo estudos.

4.  Não use links nem botões desnecessários

Sua Landing Page deve cumprir com o objetivo: a conversão. Links e botões somente se pertencerem ao Call To Action. Do contrário, irá distrair o usuário e perder uma grande oportunidade. Isso não é importante para a sua marca, não é mesmo?

5.  Porquê da oferta

Primeiramente, crie um conteúdo que o cliente queira consumir sim ou sim. A oferta é importante? Sim, e muito. Mas o conteúdo deve ser funcionar como um imã. Como fazer? Explore o benefício do produto, a razão da sua oferta.

6.  O formulário das Landing Pages

De forma geral, as pessoas não gostam de preencher formulários. Como aqui, ele é imprescindível, utilize somente os campos necessários. Pedir muita informação pode fazer o usuário desistir. Se não sabe quais os campos necessários para sua Landing Page, não pense duas vezes e vá ao básico: nome e e-mail. Não se complique!

7.  Call-to-Action: um poder e tanto

O CTA tem que mexer com o potencial cliente. Se for utilizar um texto, seja agressivo, utilize poucas palavras, mas seja simples. Vá direto ao ponto. Exemplos: “Baixe agora”, “Assine”, “Peça seu orçamento”, “Últimas vagas”, etc. Se puder vir acompanhado do link, ou botão, melhor ainda.

8.  Cuidado com a gramática

Seu futuro cliente pode cometer erros de gramática. Você, não. Concordâncias ou digitação, não importa. Uma boa comunicação é fundamental para o correto entendimento do cliente. Mostre sua autoridade no assunto e no português.

9.  Aproveite a conversão

Se seu cliente já clicou no CTA e já se converteu, você pode até agradecer, mas não deve parar por aqui. A conversão é um passo muito importante, mas é preciso fidelizar. Garantir que ele volte é tão ou mais importante do que a conversão.

10.  Teste, teste, teste, teste…

As Landing Pages devem sofrer testes constantemente. Pode ser o A/B ou outro teste qualquer. Não se esqueça de testar cada variável de uma vez. Somente assim, será possível saber qual delas é necessário mudar e qual se deve manter. O importante é testar para garantir a conversão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>